top of page
  • Cria Propaganda

ENTENDA COMO OS NUTRIENTES DOS FERTILIZANTES ATUAM NA LAVOURA

Atualizado: 14 de dez. de 2023

Com a aplicação desse tipo de composto no campo é possível manter a plantação livre de pragas e aumentar a produtividade

Imagem: Freepick


Você certamente já ouviu falar no uso de fertilizantes na lavoura. Mas já se perguntou quais são os nutrientes presentes neles e, como cada um atua para o desenvolvimento adequado das plantas? É isso que vamos abordar a seguir.


Fertilizantes e a produção


Fertilizantes são compostos aplicados no solo para repor os nutrientes que as plantas precisam para se desenvolverem corretamente. Além disso, atuam para manter a plantação mais protegida contra doenças e pragas. Eles também são conhecidos popularmente como adubos. Quanto a origem pode ser orgânica, mineral ou organomineral.


O Brasil, por ser autoridade na produção de grãos, é um grande consumidor de fertilizante. O país também produz esse composto, mas ainda em pequena escala. Segundo dados da Associação Nacional de Difusão de Adubos (ANDA), o Brasil importou mais de 41 milhões de toneladas de fertilizantes em 2022. A produção nacional atingiu a marca de 7,45 milhões de toneladas.


Os nutrientes e suas funções


Mas quais nutrientes estão presentes nos fertilizantes e como cada um funciona na prática? Eles são divididos em macro e micronutrientes. Veja abaixo essa divisão detalhada.


1- Macronutrientes


São classificados dessa forma porque possuem uma demanda maior das plantas:

- Nitrogênio: fornece proteínas e atua na geração de flores e frutas;

- Fósforo: traz a energia necessária para o desenvolvimento de novas estruturas;

- Potássio: permite a troca de gases e ajuda a evitar pragas;

- Enxofre: atua na composição das células da planta;

- Cálcio: possibilita o envio de substâncias e o crescimento radicular;

- Magnésio: forma a clorofila e colabora com a fotossíntese.


2- Micronutrientes


São utilizados em menor quantidade. O fator determinante é a necessidade da planta. Veja quais são:


- Ferro: colabora com a fotossíntese, mas deve ser usado com cautela porque o solo brasileiro é ácido e possui grandes quantidades de ferro disponíveis;

- Manganês: ajuda no processo de fotossíntese;

- Zinco: favorece o processo de reprodução;

- Cobre: atua na formação de sementes e na criação de novas estruturas;

- Boro: auxilia na divisão celular;

- Cloro: facilita a fotossíntese e o controle da temperatura;

- Molibdênio: estimula a síntese proteica por meio dos aminoácidos.


A aplicação correta de fertilizantes traz mais segurança e aumenta a produtividade do cultivo. A recomendação é sempre procurar um profissional da área para entender melhor as demandas da lavoura e como utilizar esses compostos.


Caso precise, a nossa equipe está à sua disposição para fornecer e explicar mais sobre esses produtos. Fale com a gente!

-------

Fontes: Anda (Associação Nacional para Difusão de Adubos, Uol, FertiSystem e Canal Rural.




bottom of page